Coach do Coach

Os melhores profissionais e as melhores equipas têm um denominador comum: serem peritos nas competências intra e inter que perfazem as relações interpessoais entre todos os objectivos, as ferramentas e os meios. (Rui Lança)

sábado, 30 de maio de 2009

Modalidades ao Norte!

Fruto do 'defeito' da formação académica que me (des)normaliza num país em que a cultura desportiva de...95 % da população recai unicamente em Futebol, consumo quase tudo o que é desporto, principalmente desportos colectivos.

No passado fim-de-semana estive em Espinho a ver uns jogos de Voleibol e discutia isto com um colega de profissão que estuda Gestão do Desporto no ISMAI.

Das modalidades colectivas, apenas uma é claramente uma modalidade dominado pelo Sul. O Râguebi, claro está, e sem ser uma crítica negativa, por ser uma modalidade elitista e não dedicada tanto ao recurso de indústrias, mas sim, universitário. Nesta modalidade vemos um domínio do Direito, Agronomia, Belenenses, Benfica, domínio que vai até Coimbra. Daí para cima, quase nada.

Temos o Futsal, que tem 3 a 5 clubes dominadores, Benfica, Sporting e Freixieiro, e agora com o aparecimento em força e sustentável (?) do Belenenses e Fundação Jorge Antunes.

No Voleibol, só deu Espinho mesmo com meses de ordenados em atraso e Guimarães este ano e com uma intromissão do Benfica ao vencer um campeonato recentemente.

Basquetebol, era Ovarense e Ovarenses, ao que parece com o Benfica este ano a intrometer-se. Estamos na final, Benfica-Ovarenses.

Andebol, tem sido dominado também pelo Norte, ABC e Porto, com mais uma vez o Benfica no ano passado e este ano a lutar.

Hóquei Patins, aqui só dá mesmo Porto. E o que não é Porto, vem do Norte, Óquei de Barcelos ou Juventude de Viana.

Bem sei que há mais modalidades colectivas, mas recaí nestas. Mesmo com a intromissão do Benfica em quase todas elas e o Sporting no Futsal e um conjunto do Râguebi, a massa de prática desportiva atinge uma grande decalage da área metropolitana do Porto para as outras zonas do país.

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Que Sporting é este?

As eleições do Sporting a 5 de Julho já foram marcadas por quase tudo!

Numa primeira fase eram mais de uma dezena de potenciais candidatos, depois o ainda Presidente disse que podia ficar se duas das pessoas que trabalham actualmente com Soares Franco continuassem.

Essas pessoas mostraram-se indisponíveis e ele assumiu de vez que saía. De repente aparecem quatro reais candidatos, existem agressões, promessas não cumpridas e os dois que se negaram a estarem disponíveis para continuarem no Sporting, após a saída de corrida de Soares aparecem novamente com uma lista que antecipadamente já ganhou.

O único candidato que irá combater o lobbie, o Paulo Pereia Cristóvão, apresentou hoje o seu treinador, nada mais que o emblemático Sven Goran Eriksson. No momento talvez mais aguardado das eleições sportinguistas dos últimos dias, os jornais continuam a destacar o Bettencourt com as suas frases!

Será este o clube exemplar?!

Quanto à escolha de Eriksson, apenas a questão, se o Sporting teria ou terá dinheiro para os seus 'vícios'. Uma coisa é certa, após ter dado um não ao Benfica na época passada, o aceitar do sueco a este convite destaca dois cenários:

- desespero do sueco;
- ou o Benfica estar tão mal que não o conseguiu convencer, mesmo comparando PPC a Rui Costa.

terça-feira, 26 de maio de 2009

Quem mente?

"Ainda há pouco falei com ele, que me garantiu que não tem contacto com nenhum clube para sair e disse-me que está de corpo e alma para preparar a próxima época. O Jorge Jesus não me disse nada, do Benfica ninguém me falou, é com ele que vamos contar na próxima época", referiu o líder António Salvador aos jornalistas presentes no Estádio Municipal de Braga.

Votem:

- Luis Filipe Vieira
- Benfica SAD
- Dezenas de órgãos de comunicação social (atenção que não se inclui neste rol a TVI)
- SC Braga/António Salvador
- Jorge Jesus
- ...ou o PNR, dado que não quer ciganos cá!

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Quantos tiros se podem dar nos pés?

"Quantos tiros se podem dar nos nossos próprios pés?"

Alguém deve andar a tentar contabilizar quantos tiros conseguimos dar nos membros inferiores.

Este comunicado vem colocar em causa algumas das teorias, desde do zé povinho, da comunicação social, dos mais variados jornais e até àquelas de Darwin e Lamark.

O Benfica SAD informa CMVM da continuidade do Quique. Comunica obrigado? Comunicado que assume a questão...quanto vale e até quando vale um comunicado? Será que se pode enganar a CMVM (claro que sim, mas pronto)?

Com isto, todos aqueles que se manifestaram a favor de Quique ficar, ganham novo ânimo ou pensam assim, 'poxa, que fizemos força de mais para ele ficar'.

Todos, quase sem excepção, dizem que Jorge Jesus será o novo técnico do Benfica. Mas quando o será? Se a questão da rescisão demorar um mês, Jesus ficará a trabalhar em Almada à espera que o espanhol vá para a Andaluzia?

Será isto a que chamam, homework? Rui Costa corre o risco de satisfazer alguns com falsas esperanças de manutenção de Quique. Digo Rui Costa, porque o LFV já nem conta.

Se Quique ficar mesmo, os que acreditaram numa nova alma trazia de por Jesus, ficam a fazer contas de coração. Ficar com Quique só para dizer que o Benfica este ano vai ser mais estável, não é solução. Solução é pensar, começar novamente hoje ou começar novamente daqui a uns meses, quando LFV perder as eleições em Outubro?

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Haverá incompetência no Futebol do FC Porto?

O 'Público' publica hoje uma entrevista ao brasileiro Diego, jogador que representa o Werder Bremen e foi vendido pelo Porto por 6 M €.

Hoje disputa-se a última final da Taça UEFA e Diego será o grande ausente, embora o mesmo esteja já de malas aviadas para a Juventus que irá desembolsar 25 M € pelo passe do brasileiro, ou seja, 4 vezes mais após ter ssaído do feutebol português há 4 anos.

Diego confessa hoje que o mau desempenho enquanto esteve no Porto se deveu à incompetência do clube, que não proporcionou as melhores condições e tinha alguns meses em atraso.

A verdade é esta, não é normal o Porto despachar jogadores por tuta e meia e que venham posteriormente a ser grandes craques. Diego é um caso, o outro mais flagrante que me lembro é o Luis Fabiano, agora no Sevilha. Talvez Hugo Almeida tenha sido vendido por pouco dinheiro e Postiga no Sporting venha ainda a valer mais que os 2,5 M € que o Sporting deu por 50 % do passe.

Verdade que Quaresma não foi vendido pelos 40 M € que Pinto da Costa tanto apregoava, mas agora pensamos nós que os 16 M € até terão sido um grande negócio, pese embora o peso morto do Péle, que de bom mesmo, deve ser só a mulher. Não perder de vista o Paulo Machado agora no St. Etienne.

O Porto tem feito excelentes negócios, quer a comprar quer a vender. Chissoko e Fernando esta época. Bruno Alves e Assunção que há 4 anos estavam a rodar no AEK. Mas também os há muito mauzinhos. Para não irem para o Benfica, vieram Edgar, avançado ex-Beira Mar, Kaz...ex-Boavista, Benitez que não joga grande coisa, Lino, Leandro Lima, Leandro, João Paulo, Cech, Pitbull, e devem existir outros por aí.

É verdade que os títulos valem o que valem e 'apagam' isto, mas não serão erros também a mais?

domingo, 17 de maio de 2009

Recortes de um fim-de-semana futebolístico

Mais um fim-de-semana cheio, ou quase cheio, ou nem tanto, mais ou menos, de emoções!

Jorge Costa, para mim um futuro grande treinador, uma subida para começar a sua carreira. Pode ser que veja o Belenenses a passar em sentido contrário e aquele dirigente em vez de telefonar para o Pacheco, ex-pseudo-treinador de Futebol, não se engane no número!

Quique ganha ao Jesus. Bem...Quique deve estar feliz. Eu também, pois fiquei hoje a saber mais um pouco que afinal também percebo de futebol. Ruben Amorim no meio, Cardozo tem de jogar e Urreta tinha de ter mais minutos. Bem, parece que resultou. Quanto é que eu recebo? Nada...ainda pago!

Jesus...não lhe correu bem. Não sei se vem mesmo para o Benfica. Não sei se Quique vai mesmo sair. Nem sei mesmo se Luis Filipe Vieira e Rui Costa sabem o que vão fazer. Os jogadores do Benfica mostraram que estão com o treinador...isso pareceu-me!

Porto, mesmo a jogar a meio-gás, dá 4 ao clube que tinha vindo empatar na Luz. Benfica perde 5 pontos com o último classificado. Liedson é mesmo uma grande máquina. Parece que afinal não haverão 10 candidatos às eleições do Sporting, mas só 5! Pode ser que os outros 5 façam oposição ao Vieira no Benfica para este não pensar que aquilo é tudo dele.

Contratações...o Benfica já comprou umas dezenas de gajos, o Porto vendeu outros tantos, o Sporting não se ouve, o Benfica interessado no treinador do clube adversário...bem, eu até simpatizo com o Rui Jorge, afinal de contas, com treinos, podia fazer concorrência ao Jorge Ribeiro a defesa esquerdo.

Quanto a António Salvador...não sabe se há-de segurar Jesus se há-de contratar já o Domingos. Está tudo relacionado...salva-te num domingo...dia em que jesus não trabalha.

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Uns dias fora e dá nisto!

Estive uns dias fora e não acompanhei os mil boatos sobre os clubes!

Quem vai treinar o Benfica? Quando é que o Quique sairá? Se Jesualdo fica mais um ano? Se Paulo Bento fica mais três anos? Se Jesus desce à terra e vai para os lados da Luz? Se haverá mais que dez candidatos ao Sporting? Se Pepe vai agredir mais alguém no estágio da Selecção?

Bem, estas coisas importantes.

Como não acompanho constantemente na net, vejo as capas dos jornais de manhã!

Uma guerra entre o grupo Cofina e mais ninguém, e consigo ver os cenários quase todos. Um Scolari ou um Jesus? Dizem que na Luz também há quem goste da escola Holandesa. Também eu, tragam um Van Basten que ainda o metem ao lado do Nuno Gomes. Sério...um Van Gaal sairia bem. Um amigo meu fala em Co Adrianse. Outros em Boloni e eu já a ver o Rolão Preto na Luz.

No Sporting, já nem me consigo recordar de tantos nomes para os Presidentes. É o Benfica com jogadores, eles com Presidentes e o Porto com títulos, aiai

Jaime Pacheco

Não sei bem o que uma equipa como o 'Os Belenenses' pensou quando contratou um treinador como Jaime Pacheco.

Se uma espécie de alguém que ia limpar os brasileiros que tinham sido comprados em promoções ao desbarato no Brasil, se pensavam que ele ia ensinar uma daquelas artes (?) novas que se inventam para chamar mais gente aos Health Clubs, não sei bem.

Bem, espero que não tenha sido com o intuito de ele...de facto ir treinar alguém a jogar à bola! Será? Tudo é possível.

Se assim era, os dirigentes deviam primeiro ter colocado um agente seu na Presidência na Liga e depois sim, era mais um Boavistão.

sábado, 9 de maio de 2009

Relatos soltos de um ex-treinador do Benfica

Vi ao vivo mais uma pseudo-demonstração de um aglomerado de pessoas, em que uns se fizeram passar por jogadores, por pessoas com atitudes e comportamentos vencedores e por alguém, que de braço cruzado, umas vezes de pé, quando o resultado esteve favorável e perto do fim do jogo, quase em desespero, ou sentado...enquanto o Benfica esteve a perder.
No Benfica, daqueles que lá tiveram, poucos são aqueles que apresentam uma dinâmica de querer vencer!

Vejo crianças à minha volta que ao visualizarem aquilo, pensarão qual o clube que vou querer ser quando for grande!

Passividade numa estrutura que tem de ser profissional!

Miminhos trocados com um ex-defesa esquerdo do clube, o melhor desde que fomos campeões com o Dos Santos!

O tempo a passar e a dúvida a pairar: faz-se já a marcha-atrás e começa-se considerando o que se errou agora, ou espera-se mais um pouco?
Vale a pena transcrever aqui o que a claque gritava para os jogadores?!

Dragon Force...deve ser isto que ensinam

O F.C. Porto entrou da melhor maneira na fase final do Campeonato Nacional de Juniores. Os dragões venceram por 1-2 em Alvalade, num encontro marcado pela polémica no segundo golo dos azuis e brancos.

Já no período de descontos, o central Pedro Mendes - do Sporting - lesionou-se e teve de ser substituído, numa altura em que a posse de bola estava do lado dos leões. No reatamento, através de um lançamento lateral, os jogadores do F.C. Porto não entregaram a bola ao adversário e acabaram mesmo por fazer o golo da vitória por Miguel Galeão.

Perante os protestos dos responsáveis leoninos, os jovens dragões foram celebrar diante do banco adversário e incendiaram ainda mais os ânimos.

Quando um treinador troca miminhos com um ex-jogador

Não sei bem o que acham, mas esta troca de miminhos entre Quique e o Leo, um ex-jogador do Benfica que a grande maioria dos seus adeptos e até das equipas adversárias tinha em boa conta, não tem lógica.

Que se pretende com isto? Como é que se deixa que um treinador ande a dizer mal de um ex-jogador, que ficou após o apelo da sua estrutura?

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Facilitar a criação de equipas

Coloco aqui o artigo que publiquei na revista ‘Human’ deste mês, uma revista de RH sobre o tema das equipas.

Uma das questões que continua a mover esforços, estudos e comparações é a capacidade que algumas pessoas apresentam para conseguirem extrair uma maior capacidade e desempenho de um conjunto de pessoas. Há quem reclame que são dons naturais, outros que apelam à possibilidade que temos para treinar e aperfeiçoar competências que definem a capacidade para fazer algo que à primeira vista pode parecer simples, mas está longe de o ser: 1 +1 > 2!

Quando me iniciei por estas paragens, uma das características que mais contribui para que uma pessoa consiga num determinado tempo e com x recursos, retirar de um conjunto de pessoas um potencial acrescido, que as mesmas estejam empenhadas para tarefas e objectivos comuns, e de forma a envolver todos é a capacidade que essa mesma pessoa tem para facilitar os processos de equipa!

Diversos autores apresentam diferentes ‘teses’ sobre as características que uma equipa deverá apresentar, mas no geral são sempre abordados a confiança, a comunicação frontal, o respeito, o alinhamento, a participação, objectivos comuns e exequíveis, a organização e o reconhecimento.
Para que num conjunto de pessoas todos os processos atinjam uma harmonia e sintonia que permita aumentar o rendimento e empenhamento das pessoas que compõem uma equipa, existem os tais processos que de alguma forma ‘jogam’ com o potencial individual de cada um dos elementos que a compõem.

A facilitação nestes processos, nas fases de forming, storming, norming e performing atinge uma importância no equilíbrio e no desenrolar do andamento que diferentes equipas apresentam. O líder, o treinador, o coordenador, o responsável pelas equipas tem de possuir uma capacidade de facilitar. De não complicar. De observar o potencial que o rodeia, as pessoas à sua frente, o ambiente e saber como colocar aqueles indivíduos a realizar determinadas tarefas. Como as explicar? Como torná-las suas também?

Um facilitador, como o próprio nome indica, facilita! Como? O facilitador sabendo onde quer chegar, assume-se como um expert no processo. É no processo que coloca o enfoque da sua acção. Instrui e ajuda as pessoas a atingir um determinado objectivo sem manipular ou influenciar directamente as suas acções. Cria condições para serem geradas acções, ideias, comportamentos. Lidera um processo para serem tomadas decisões, conclusões e reflexões.

Faz recordar as pessoas do ambiente, objectivos, age consoante a necessidade que o grupo tem, mantém a ‘chama’ acesa relativamente ao caminho a traçar até ao seu objectivo e cria uma atmosfera de participação. Quase que um misto entre formador e coacher, que tenta extrair o máximo de cada um e por sinal, da equipa, mas sem orientar o que deve ou não deve fazer, tentando constantemente que através do fazer e reflectir possam tirar as suas conclusões da melhor forma de atingir algo.

A primeira vez que fui confrontado com o termo ‘facilitação’ ou de ‘facilitador’ encontrava-me num Fórum para jovens dirigentes em Aarhus na presidência dinamarquesa da União Europeia, 2002. Digamos que foi a partir daí que tive consciência que alguns dos métodos que já utilizava tinham algo daquela natureza e poderiam ser melhorados a todos os níveis. Que podia aperfeiçoar esse método de transmissão de conhecimentos, trabalhar competências, misturar bases de animação, desporto, formação, relações e facilitar-me também.

quarta-feira, 6 de maio de 2009

Esta não qualificação fica-lhes tão bem!

Pequenos apontamentos deste jogo Chelsea- Barcelona, que deu a passagem à final do clube catalão e a possibilidade de Messi confrontar directamente Ronaldo sobre quem irá ganhar a bola de ouro.

Os comentadores, especialmente o Paulo Sérgio, falaram umas vinte vezes que o Chelsea tinha sido roubado pela arbritagem. Pena se terem esquecido que na 1.ª mão, tiraram-lhes um penaltie sobre Henry e a expulsão clara de Ballack com uma agressão.

Guus Hiddink escondeu-se num 1-0, mesmo jogando 30 minutos com mais um homem. Jogaram melhor, é verdade, mas pensaram sempre em defender defender e defender! Grande Hiddink...ficou-te bem!

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Jorge Jesus no Benfica

De fonte segura, private joke, que Jorge Jesus será o próximo treinador do Benfica.

Já em anteriores posts, critiquei o senhor, principalmente pela dualidade de reacções quando foi prejudicado com os três ‘grandes’. Todos o davam como futuro treinador do Porto, com a saída de Paulo Bento do Sporting…podia ser uma das hipóteses, mas agora fala-se que estará a caminho da Luz.

O público benfiquista não dá muitas tréguas aos treinadores portugueses, principalmente a alguém que não tem o dom da comunicação para o público. Fernando Santos vestia-se mal, ajeitava o fato dezenas de vezes durante o jogo. Este come dezenas de pastilhas.

A ser verdade, pois a fonte segura é igual àquelas que os jornais têm, o Benfica traria alguém que é bom tacticamente. Por isso, mantenho a minha deixa…deixem o Quique para as conferências de imprensa, e contratem…

domingo, 3 de maio de 2009

Quase dez milhões satisfeitos!

Valeria a pena falar das oportunidades falhadas, dos pontapés para a frente e fé em ninguém, da bola ao poste, do penaltie que aquele árbitro do Porto não viu, da defesa de papel do Benfica, das defesas impossíveis que Quim é incapaz de fazer, das substituições miseráveis que Quique fez? Valerá? Não!

A derrota do Benfica hoje satisfaz Portistas e Sportinguistas e os Benfiquistas que querem ver o Quique bem longe daqui! Sendo assim, com maior vivacidade ou não, quase dez milhões estarão hoje felizes!