Coach do Coach

Os melhores profissionais e as melhores equipas têm um denominador comum: serem peritos nas competências intra e inter que perfazem as relações interpessoais entre todos os objectivos, as ferramentas e os meios.


sexta-feira, 8 de maio de 2015

Um sonho ou uma visão

Tenho este pensamento de considerar que as crianças em salas de aulas, ambientes de formação ou treinos são tratadas como máquinas, no sentido que a disciplina e o controlo são mais importantes que a vertente lúdica, da autonomia e do aprender numa vertente menos formatada, menos como se fosse uma fábrica. E os professores, treinadores e educadores explicam-me que só assim se consegue ter algo organizado. Eu percebo e concordo em parte, pois deve existir um equilíbrio. O presente diz-me que isso não acontece, que cada vez há mais modelos para tudo, mais fábricas dentro das aulas e nos treinos de pequeninos. E eu dentro da minha ingenuidade, visão, sonho, penso que poderiam existir menos fábricas...

2 comentários:

Rui Nogueira disse...

Olá, Coach Rui

As fábricas são necessárias. O que é fundamental é que o seu funcionamento seja bom e de acordo com os parâmetros da condição humana (ergonomia), o que normalmente não se verifica.

Um abraço.

Rui Lança disse...

:) Concordo que sejam necessárias, mas numa determinada fase. Não sempre e não para tudo. Na minha opinião, claro!