Coach do Coach

Os melhores profissionais e as melhores equipas têm um denominador comum: serem peritos nas competências intra e inter que perfazem as relações interpessoais entre todos os objectivos, as ferramentas e os meios.


segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

A diferença entre aplaudir e dar feedback

“Fizeste um excelente trabalho. Era exactamente isto que eu estava à espera. Não mudaria nada. Conseguiste, está fabuloso!”

É muito bom ouvir isto. Mas não é o melhor feedback. É…algo parecido com um aplauso.

E receber aplausos é muito bom, mas não me ajuda a desenvolver. É preciso algo mais! Se queremos melhorar, precisamos de feedback claro e assertivo. E feedback, parece-me que é mais do que aplaudir.

Tem de ser construtivo e não apenas positivo. Tem de ser concreto e não apenas simpático. Se tenho medo de receber feedback, porque nunca se sabe o que sai da boca das pessoas, reservo-me no direito de apenas gostar de aplausos. Mas…é apenas bom e positivo. Não me desenvolve.

Tenho dificuldade em trabalhar com pessoas que aceitam tudo como bom. Fico a pensar se de facto o meu trabalho é bom porque é bom ou se é bom porque para aquela pessoa tudo é bom. Gosto de pessoas genuínas, criticas e que saibam apontar as peças do puzzle que estavam boas ou menos boas e o ‘para quê’ que deveria alterar algo. Se calhar é pedir muito.

Mas também gosto de aplausos! Infelizmente, olho à volta…e a cultura é de não aplaudir e de não dar feedback. Como se altera isto?

2 comentários:

Rui Nogueira disse...

Olá, Coach Rui

Sim, é bom ser fabuloso.Mas manter sempre esse nível,
é muito custoso.

Há necessidade de nos renovarmos constantemente, procurando novos temas, ou matérias.

É bom, ser-mos flexíveis e procurar adaptarmo-nos às diversas personalidades das pessoas.

A recompensa, aplauso ou um sorriso são um incentivo.

Um abraço

Rui Lança disse...

Bom dia, não sei se é bom ser sempre fabuloso. Até porque a noção de ser fabuloso difere de pessoa para pessoa e dos objectivos pessoais certamente. O que direi é que é fabuloso ou bom que todos se esforcem por aquilo que gostem ou que queiram atingir.

Para quem facilita, oriente, dirija, etc, é uma dica que para ajudarmos essas pessoas a atingirem os seus objectivos, é preciso feedback e incentivos e não apenas aplausos. Digo eu! Abraço!